Ampro apoia painel inaugurado com arte em grafite inspirada na história do MP-RO

0
114
Inauguração aconteceu na segunda-feira. (Foto: Ascom MP-RO)

O presidente em exercício da Associação do Ministério Público de Rondônia (Ampro), o procurador de Justiça Carlos Grott; juntamente com o procurador-geral de Justiça, Airton Pedro Marin Filho; participou da inauguração do painel em grafite de 100m² inspirado na história do Ministério Público do Rondônia (MP-RO). A inauguração aconteceu na segunda-feira (21). De autoria de dois artistas locais, Pedro Fernando de Lima Gervazoni e Samyr Otto Barboza, o trabalho foi viabilizado por meio de convênio firmado com a Ampro e a Caixa Econômica Federal.

O painel foi produzido na arte do muralismo, como parte das comemorações pelo aniversário de 37 anos da instituição no estado, celebrado no próximo dia 25. A intervenção, que retrata a instalação de Rondônia, o ciclo econômico do ouro, o MP-RO e suas áreas de atuação, tingiu de cores vibrantes as paredes do estacionamento localizado em frente ao edifício-sede, estando visível a todos os que acessam os serviços da instituição.

O presidente da Ampro ressaltou a contribuição da obra para a divulgação da atuação do Ministério Público. “A associação entendeu que divulgar as atribuições do MP-RO por meio da arte seria uma forma eficiente de falar e tocar as pessoas”, pontuou.

Ao receber o painel, o procurador-geral de Justiça destacou a relevância desse tipo de manifestação artística para divulgar, junto à população, a trajetória do estado, suas memórias e símbolos. “Conhecer a história de sua terra, suas riquezas e povos é um dever de cada cidadão. Tornar isso acessível à sociedade, através da cultura, da arte e pelas mãos de artistas locais, permeando a história com as vertentes de atuação institucional do MP-RO, é uma maneira de colaborar com a construção da cidadania”, disse.

A arte produzida em muralismo tem referência na arte em grafitagem. O trabalho é executado com tinta acrílica, reproduzindo a técnica do spray, com uso de sombras e profundidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here